19 de nov de 2011

Patch Adams - o médico palhaço que revoluciona a medicina


Assistí o filme "Patch Adams - o Amor é Contagioso" estrelado por Robin Willians e chorei.


Embora o próprio Patch desconsidere a versão filmada de sua história, acredito que o teor, o amor, e a vontade de mudar o sistema de saúde oferecendo ao paciente um tratamento mais humanizado foram transmitidos com muita ênfase.


Hoje, o médico está construindo um centro de atendimento gratuito em West Virginia (já existem clínicas espalhadas por outros estados americanos) além de trabalhar com a população de baixa renda e situação precária em diversas partes do mundo.


Humanista e humorista, Patch é ativista da paz mundial. Sua mensagem não se limita a melhorar a forma como a medicina é praticada. Sua jornada espalha a semente do amor ao próximo em que a saúde do indivíduo não pode ser separada da saúde da família, nem da saúde da cidade ou da saúde do planeta. Se trabalharmos juntos ajudando uns aos outros, as dificuldades são reduzidas a quase zero.


Infelizmente são poucos os médicos que pensam assim, preferindo se manter emocionalmente afastados dos pacientes, tratando-os como pedaços de carne, números de leitos ou seres inferiores, ostentando uma posição de superioridade e pretenso conhecimento da máquina humana, que na verdade estão longe de entender num contexto global envolvendo mente e espírito fraternal.


Resta-nos chamar a atenção do profissional que nos atende, exigindo nossos direitos como seres humanos que somos, e torcendo que os médicos-palhaços se espalhem pelo Brasil e nos tragam a recuperação através do sorriso.


Fonte: www.patchadams.org
Fotos: compartilhandoleituras.blogspot.com e zonamenosum,files.wordpress.com
Postar um comentário