13 de fev de 2013

Estresse + Estresse = Cortisol


Embora sempre mencionemos em nossas conversas com amigos e amigas sobre como homens e mulheres respondem ao estresse ( "luta ou fuga" versus "tendem e fazer amizade" ), também há discrepâncias significativas no modo como o estresse afeta a saúde das mulheres em relação aos homens. Estudos descobriram que as mulheres diferem dos homens, não só em suas respostas emocionais ao estresse, mas também que o estresse agudo e crônico pode custar ainda mais caro para a saúde física e mental das mulheres ".

Quando reage a fatores de estresse, o corpo liberta hormônios como o cortisol, que é conhecido por ter impacto no sistema imunológico, sistema digestivo, pele e mais alguns danos. As respostas de cortisol ao stress psicológico também foram diferentes entre homens e mulheres. O estresse pode afetar quase todos os sistemas do corpo, e isso pode prejudicar a sua saúde em mais maneiras do que você imagina. 

Nas mulheres, estes hormônios causam um processo de alterações corporais de forma única, o que pode levar a problemas de saúde a curto e longo prazo.

Veja na lista abaixo 10 efeitos fisiológicos e cognitivos do estresse sobre a saúde da mulher.

10 Maneiras em que o Estresse pode interferir na Saúde da Mulher

1. Redução de atividades sexuais
Alguns grandes acontecimentos da vida que causam estresse, como iniciar um novo trabalho ou se mudar para uma nova cidade, podem reduzir a libido,
segundo o Dr. Irwin Goldstein, MD. Isso pode ocorrer quando os níveis elevados de cortisol começam a suprimir os hormônios sexuais naturais.

2. Períodos irregulares
O estresse agudo crônico pode alterar fundamentalmente o equilíbrio hormonal do corpo, o que pode levar a períodos de ausência menstrual, atrasos ou irregularidades. Os pesquisadores também descobriram que as mulheres em trabalhos estressantes correm um 
risco 50% maior de terem ciclos curtos (menos de 24 dias) do que as mulheres que não trabalham em posições que demandam alto estresse.

3. Acne  
Níveis elevados de cortisol no organismo pode causar 
excesso de produção de óleo na pele, que contribui para o desenvolvimento da acne. Um estudo de 2003 observou-se que os estudantes universitários do sexo feminino sofreram com o aparecimento acne durante épocas de exame, devido ao  aumento do estresse.

4. Queda de cabelo
Um significativo estresse emocional ou psicológico pode causar um desequilíbrio fisiológico que 
contribui para a perda de cabelo. O estresse pode interromper o ciclo de vida do cabelo, fazendo com que ele entre em sua fase minguante. Você pode não notar a perda de cabelo durante ou imediatamente após um período de estresse, mas as mudanças podem ocorrer três a seis meses mais tarde.

5. Digestão pobre
Tensão prolongada pode ter um grande impacto no sistema digestivo pelo aumento do
ácido gástrico, causando indigestão e desconforto e, em alguns casos, contribuir para o desenvolvimento de úlceras. Reduzir o estresse é fundamental para manter um sistema digestivo saudável, de acordo com womenshealth.gov .

No Próximo post, darei continuidade com mais 5 Maneiras em que o Estresse pode interferir na Saúdeda Mulher.

E você, se enquadra em algum dos itens mencionados? Conte-nos!

Fonte: Carolyn Gregory em  http://www.huffingtonpost.com/