14 de ago de 2012

História de Heróis - II


O nazista que salvou mais de 250.000 chineses no "Massacre de Nanquim", a Segunda Guerra Sino-Japonesa ocorrida entre 1937 a 1945.

Embora o Japão continue a subestimar os crimes cometidos contra a humanidade descrevendo o massacre de Nankim (Nanking) como um pequeno incidente, cerca de 350.000 chineses civis foram torturados, queimados vivos, decapitados e fuzilados, incluindo-se mais de 20.000 mulheres e crianças violentamente estupradas, dos 8 aos 80 anos. É um dos piores casos de estupro da história.

E no meio dessa violência encontramos John Rabe, nazista transferido para Pequim em 1910 e  para Nanquim em 1931. Em 1933 o Partido Nazista toma o poder na Alemanha e seu líder, Hitler, é nomeado chanceler. Rabe participa da festa e é nomeado chefe da filial nazista em Nanquim.

Quando o Japão invade Nanquim em 1937, a cidade incluindo o governo recebe ordens de evacuar, John Rabe envia sua família mas se recusa a sair juntando-se a outros missionários estrangeiros, estabelecendo uma "zona de segurança" para refugiados chineses, fornecendo roupas, comida e abrigo. Como chefe do comitê internacional 25 albergues são criados no distrito oeste da cidade, com centros localizados nas embaixadas e na Universidade de Nanquim. Ele mesmo, Rabe, abriga cerca de 650 refugiados em sua propriedade.

Dentre as várias tentativas de invasão dos japoneses à sua residência, John Rabes exibiu sua suástica conseguindo salvar os chineses da violência instalada no país, tendo enviado diversas cartas à Hitler solicitando intervenção no sentido de parar a matança. "Um homem não pode se calar sobre esse tipo de crueldade!" - observação feita em seu diário.

A sua história é longa e pode ser lida com maiores detalhes em http://www.moreorless.au.com/heroes/rabe.html. Rabes foi liberado das acusações de nazismo no Tribunal Militar Internacional para crimes contra a Humanidade mas morreu pobre, chegando a receber cestas de alimentos de chineses agradecidos.

É mais um herói que não aparece nos livros de História mas que merece nossa homenagem.

Mais história de Heróis aqui.