5 de ago de 2009

Um Defeito Incorrigível da Mulher



Recebí este e-mail e achei muito interessante. Não sei quem é o autor (ou autora) porque muitos dos textos que chegam em nossa caixa postal rodam pela web sem autoria. Mas, seja quem for, estava muito inspirado. Veja se não tenho razão:

Quando Deus fez a mulher, já estava nas horas extras do seu sexto dia de trabalho.

Um anjo apareceu e Lhe disse:
- Por que gastas tanto tempo com esta?

E o Senhor respondeu:
- Você viu minha Folha de Especificações para ela? Deve ser completamente lavável, porém não ser de plástico, ter mais de duzentas partes móveis, todas arredondadas e macias e ser capaz de funcionar com uma dieta de qualquer coisa e sobras, ter um colo que possa acomodar 4 crianças ao mesmo tempo, ter um beijo que possa curar desde um joelho raspado até um coração ferido, e fazer tudo isso com somente duas mãos.

O anjo se maravilhou com os requisitos.
- Somente duas mãos... Impossível! E este é somente o modelo "standard"? É muito trabalho para um só dia... Espere até amanhã para terminá-la, Senhor.

- Não o farei - protestou o Senhor. Estou muito perto de terminar esta criação, que é a favorida de Meu próprio coração. Ela já se cura sozinha quando está doente e pode trabalhar dezoito horas por dia.

O anjo se aproximou e tocou a mulher.
- Porém a fizeste tão suave, Senhor!

- E suave - disse Deus - porém a fiz também forte. Não tens idéia do que pode aguentar ou conseguir.

- Será capaz de pensar? perguntou o anjo.

- Não somente será capaz de pensar, mas também de raciocinar e negociar.

Então, notando algo, o anjo estendeu a mão e tocou a pálpebra da mulher...
- Senhor, parece que este modelo tem um vazamento... Eu Te disse que estavas colcoando muitas coisas nela.

- Isso não é nenhum vazamento... É uma lágrima - corrigiu o Senhor.

- Para que serve a lágrima? - perguntou o anjo.

E Deus disse:
- As lágrimas são sua maneira de expressar sua sorte, suas penas, seu desengano, seu amor, sua solidão, seu sofrimento e seu orgulho.

Isto impressionou muit o anjo.
- És um gênio, Senhor. Pensaste em tudo. A mulher é verdadeiramente maravilhosa.

- Sim, ela é! A mulher tem forças que maravilham os homens. Aguentam dificuldades, carregam grandes cargas físicas e emocionais, porém têm amor e sorte. Sorriem quando querem gritar, cantam quando querem chorar, choram quando estão felizes e riem quando estão nervosas. Lutam pelo que acreditam. Enfrentam a injustiça, não aceitam "não" como resposta, quando elas acreditam que haja uma solução melhor. Se privam para que sua família possa ter algo.

E continuou:
- Vão ao médico com uma amiga que tem medo de ir. Amam incondicionalmente. Choram quando seus filhos triunfam e se alegram quando suas amizades conseguem prêmios. São felizes quando ouvem falar de um nascimento ou casamento. Seu coração se despedaça quando morre uma amiga. Sofrem com a perda de um ser querido mas são ainda mais fortes quando pensam que já não há mais forças. Sabem que um beijo e um abraço podem ajudar a curar um coração ferido.

- Porém há um defeito incorrigível na mulher:

É que ela se esqueceu o quanto vale!